4 passos para se planejar e sair da CLT

O medo e a incerteza são comuns ao pensar em fazer essa mudança, mas fazer algo que traga prazer e satisfação vale muito e compensa o risco. A questão é que esse risco precisa ser bem calculado, precisa ser bem planejado.


Empreender envolve muitos desafios e incertezas e o empreendedor é movido pela paixão, pela vontade de fazer acontecer. Mas só a paixão e vontade de fazer acontecer não são suficientes. Você precisará de um bom plano.


Alguns anos atrás eu saí da CLT para ter uma loja. Confesso que não considerei todas as etapas de um bom planejamento. Fui movida pela vontade de mudar, sair de um emprego que estava me adoecendo. Quando a oportunidade passou na minha frente eu agarrei, e apostei todas minhas esperanças nessa loja.


Vontade de trabalhar para fazer dar certo eu sempre tive, e sei que você também tem. Junte a essa vontade os passos abaixo para que seu negócio comece do jeito certo:


1. Planejamento financeiro e reserva de emergência

Qual o valor que você precisa, não só para investir, mas para te dar um fôlego financeiro até o negócio começar a girar?

Você precisará de recursos financeiros não só para investir no novo negócio, mas inicialmente o negócio poderá não gerar lucro suficiente para manter o padrão que se tinha quando era empregado.

Ter uma reserva de dinheiro para ficar tranquilo por um período resolve parte das incertezas de começar. O ideal é ter uma reserva equivalente a 6 meses do seu salário atual.

O bom de ter um negócio online de prestação de serviços é que as suas despesas e investimentos iniciais serão bem menores do que seriam em um negócio físico.


2. Tenha mentores

Também para aliviar a tensão é importante procurar mentores, que são pessoas mais experientes, que já passaram

por desafios parecidos, ou que tenham vivências em negócios que podem auxiliar em momentos de dúvida, na

tomada de decisão, ou até mesmo para trocar ideias sobre o melhor caminho a seguir.

Atualmente eu não tenho mais a loja e trabalho como Apoio Administrativo. Ter feito a mentoria com a Carol foi

essencial para que eu conseguisse dar os primeiros passos. Agora com a Comunidade de Apoio Administrativo

continuo aprendendo e esclarecendo dúvidas com a Carol e com outras colegas.


3. Comece seu negócio enquanto ainda está na CLT

A verdade que não quer calar: às vezes será preciso continuar trabalhando na CLT.

Manter o emprego e o negócio em paralelo ajuda a ir criando mais confiança para decidir por um dos dois. É

possível conciliar o início do seu negócio com o trabalho atual, porém isso deve ser feito de forma consciente,

transparente e planejada para não prejudicar a empresa em que você trabalha.

Vale continuar mais um tempo no trabalho atual e fazer uma poupança para só depois sair e se dedicar a sua

empresa. Você pode fazer todas as atividades iniciais para estruturar o negócio enquanto ainda estiver no emprego.

Estabelecer parcerias, fazer planejamento financeiro, elaborar o plano de negócios, testar o produto ou serviço e

começar a captação de clientes.

Na comunidade temos aulas do passo a passo de como fazer essa etapa.


4. Planeje, estude e acredite em você

Uma vez tomada a decisão, caia de cabeça na ideia. A sua rotina de 8 horas por dia será mudada e você terá que

criar uma nova rotina para evitar procrastinação e sair do lugar.


Para mim foi essencial contar com o apoio e ajuda de pessoas que estão trilhando um caminho semelhante.

Houveram momentos de dúvida, incerteza, medo e ter acesso a pessoas que já passaram por situações parecidas me deu mais motivação e confiança para seguir meu planejamento e continuar acreditando que daria certo. É muito emocionante conseguir os primeiros clientes e perceber meu esforço valeu a pena.

A minha conclusão é que seguindo esses 4 passos a sua chance de sucesso aumenta bastante. Percebi isso claramente em minha vida.


Na primeira vez que sai da CLT sem muito planejamento varias coisas não deram certo. Agora com um pouco mais de experiência, com planejamento e com ajuda das pessoas certas, tenho uma base muito mais sólida para alcançar minhas metas pessoais e as da minha empresa.

5 visualizações0 comentário